Após capotar no Dakar, Alonso deixa o futuro no rali em aberto

Compartilhe Agora com seus amigos!

Em seu primeiro ano correndo no rali mais famoso do mundo, Fernando Alonso se mostrou bastante contente com a própria performance e com o 13º lugar conquistado ao fim da competição. No entanto, o futuro do espanhol no Rally Dakar é incerto. Isso porque o piloto não garante a permanência na prova para o próximo ano e ainda considera o retorno à Fórmula 1 em 2021.

Mas, se Alonso decidir continuar o desafio no Dakar, ele já garantiu que será para alçar vôos mais altos e com expectativas maiores. No ano de estreia, o bicampeão da Fórmula 1 correu ao lado de Marc Coma e teve como melhor resultado um segundo lugar em um dos estágios da prova.

“Se decidir fazer outro Dakar seria com expectativas altas. Agora não quero pensar nisso. Estou feliz do jeito que foi. Logicamente, depois da primeira experiência e ser competitivo, se voltar no futuro será para tentar vencer, para conseguir mais uma vitória importante em minha carreira”

– É um rali mais duro e terminá-lo era um dos meus principais objetivos. Eu me senti competitivo em quase todos os dias – completou Alonso.

Fernando Alonso completou primeiro Rally Dakar da carreira em 13º — Foto: Reuters
Fernando Alonso completou primeiro Rally Dakar da carreira em 13º — Foto: Reuters

O Rally Dakar, disputado pela primeira vez na Arábia Saudita, foi vencido na categoria carros por Carlos Sainz, pai do piloto da McLaren Carlos Sainz Jr. No último e decisivo estágio da prova, Fernando Alonso terminou em quarto lugar.

– Na última etapa, tivemos um furo, pegamos Yazeed (Al Rajhi) e ainda terminamos em quarto, então acredito que mais uma vez brigamos pela vitória da etapa. Não poderia estar mais feliz. Terminei meu primeiro Dakar, sei que há muitas pessoas que tentam muitas vezes até conseguir e tive a sorte e a equipe perfeita para conseguir de primeira – disse o bicampeão da Fórmula 1.

Alonso ainda sofreu um grande susto em uma das etapas da competição. O espanhol e o co-piloto Marc Coma capotaram na última quarta-feira em uma das dunas de areia, mas saíram ilesos e ainda conseguiram continuar a prova – mesmo com o carro danificado – e chegar à zona de meta especial em 38º lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *